Joana, sempre Joana!

Desde que comecei a acompanhar essa temporada de A Fazenda (um tanto quanto tardiamente: pouco depois da expulsão de Duda), sempre prestei atenção em Joana.

O que me interessava nela era o potencial de barraco. Como qualquer pessoa que não tenha tirado longas férias em outro país (ou planeta), eu sabia de seu relacionamento explosivo com Adriano. Imaginava uma mulher descontrolada, insegura, dependente e sem classe. Mas me surpreendi a cada episódio.

Joana foi se mostrando, dia após dia,  um mulherão em todos os sentidos.  Forte, determinada, destemida. Meu  novo sonho foi se tornando “ser um  pouco mais como ela quando eu  crescer”. E eu nem tô falando do físico!

Continuar lendo

Anúncios